No domingo 29 de novembro houve votação para a escolha de conselheiro tutelar.  A população Cruzese compareceu aos locais de votação para escolher 5 dos 15 candidatos, que disputavam a eleição.

Candidatos Eleitos

01 – Gerôncio Pinto – 592 votos

02 – Iara Moura – 470 votos

 03 – Ronaldo Muniz – 465 votos

04 – Rosenilda Farias – 425 votos

05 – Leandro – 425 votos

Obs: Empate 4º e 5º lugares no critério empate contido no edital, o mais velho fica com a vaga.

 Suplentes:  Façanha Silveira, primeiro suplente

Carla Martinele, segundo suplente

indício de fraude e a promotoria de Cruz já foi acionada para apurar pocíveis favorecidos.

A votação ocorriam em varias localidades do município sem nenhum controle eletronico, as pessoas se dirigiam à sessão e os mesarios anotavam nº do RG e Título de eleitor e mandavam que assinasse em um caderno, depois era liberado para votar através de chapa, é evidente que nada impediria que essa pessoa saindo dali, fosse votar em outra sessão ou outra localidade. um dos candidatos que não teve acesso aos livros de votação, resoveu então entrar com pedido de recontagem dos votos. O caso foi parar na promotoria, que vai apurar se ouve ou não fraude na votação para conselheiro tutelar de Cruz.

Gente estamos no ano 2009 chegando em 2010 no mundo da internet, não é tão dificil se fazer um sistema informatizado( UMA PÁGINA DE CONTROLE EM REDE  )  para que não ocorra esse tipo de transtorno. Não tem urna, recorre-se a informática.