gene do câncer de mamaCientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, anunciaram nesta segunda-feira (5) a descoberta de um gene relacionado a mais da metade dos casos de câncer de mama. Os pesquisadores dizem que o NRG1 (neuregulina-1) também desempenha um papel importante no intestino, próstata, ovário e tumores da bexiga.

 

Genes são sequências de DNA e carregam informações básicas que determinam características hereditárias de um ser vivo.

A descoberta do gene vai servir para que médicos estudem como o câncer de mama se espalha.

Todo mundo nasce com um NRG1 intacto, mas parece que em alguns casos, esse gene pode ser danificados – deixando o caminho aberto para o câncer se desenvolver.

Paul Edwards, coordenador da pesquisa, disse à BBC que a descoberta é a mais importante dos últimos tempos.

– Acredito que o NRG1 pode ser a mais importante descoberta sobre um gene ligado a esse tipo de tumor nos últimos 20 anos. Ele nos dá informações vitais sobre um novo mecanismo que provoca a doença. Não temos informações que descartem o gene como disseminador de outros tipos de câncer, como o de próstata e do cólon do útero.

Outros profissionais da área contaram que uma análise mais profunda sobre essa identificação vai tornar possível o desenvolvimento da melhor maneira para que pacientes sejam tratadas. 

No futuro, há a expectativa por parte dos médicos de que o gene possa ser controlado ou que seus defeitos tenham um acompanhamento.

Fonte: R7.com