Carmito Pereira da Silva, 48 anos, morreu anteontem quando caminhava no estádio municipal de Guarulhos (Grande SP), após ser atingido na cabeça por uma bola de aço de cerca de 7 kg. A bola foi lançada por um atleta de 19 anos que treinava lançamento de martelo. Ele é da equipe de Guarulhos –ficou em terceiro nos Jogos Regionais de Arujá 09 na categoria sub 20, segundo o treinador– e se desequilibrou ao arremessar, soltando o objeto para o lado errado. Segundo a polícia, Silva caminhava nesse momento. A bola passou por cima da grade de proteção, acertando-o –ele estava a cerca de 15 metros do local. O esporte é olímpico, e o recorde masculino é de 1986, com lançamento de 86,74 metros. Silva foi levado ao hospital, mas não resistiu. O jovem foi preso por homicídio culposo (sem intenção) e liberado após pagar fiança de R$ 307. A prefeitura disse que, em horário de treinamento, o público não pode entrar na área dos atletas e que Silva entrou sem ser visto.

Fonte:agora.uol.com.br

Anúncios